TuneList - Make your site Live

Grupo de pessoas que leram e aguentaram

domingo, 13 de janeiro de 2013

Hoje é dia de pegar nas armas

Sim, hoje é dia de pegar nas armas, é dia de guerra. Joga-se um Benfica x Porto e este jogo representa mais que 90m de futebol.
Se me perguntarem o que gosto mais, ver o grande Benfica ganhar ou o Porto perder diria que prefiro ver o Glorioso ganhar, mas assim como me assumo irremediavelmente parcial e faccioso, 500% benfiquista, também me assumo como um confesso DESportista, que é uma forma subtil de me assumir anti-portista. Sem falsas demagogias eu quero ver o Porto perder, sempre,  seja ao berlinde, à sueca, no tiro aos patos, é-me indiferente.
Assim, e feita a introdução, se és portista para já aqui de ler, o texto não é para ti, não te quero aqui, e assim como assim, não vais gostar do que vais ler.
A verdadeira razão desta entrada no blog é que tenho umas quantas coisas que gostaria de dizer aos jogadores do Glorioso neste dia e, frustrado por não o poder fazer, escrevo aqui na esperança de que, de alguma forma, isto lhes chegue ao nariz.
Começo por uma nota para o treinador:
- JJ hoje é dia de te assumires como um gajo destemido, um gajo da Reboleira. Jogas em casa, estás na frente da classificação, contas com uma equipa recheada de bons jogadores e portanto entrar em campo com qualquer coisa menos que dois pontas de lança, um médio de claro pendor ofensivo e dois extremos é jogar para trás.O jogo só pode ter um sentido.
E agora os recados para os jogadores, escolho os que me parecem fundamentais em cada sector:

Luisão: A ti peço-te que vires o Jackson Martinez ao contrário, nada de mais, uma fruta logo a abrir o jogo para lhe mostrar quem manda naquele rectângulo.

Matic: Tens a missão mais complicada, cabe-te a ti, em grande medida, anular o sector mais forte do FCP portanto tens que te transformar, o jogador com classe e pés de veludo que és tem que dar lugar a um troglodita que faça o Moutinho soltar um peidinho molhado. Não é dificil, temos aliás bons exemplos pelos quais te podes guiar, a saber:
- Amaral " O coveiro"
- Petit "pitbull"
- Javi "El Muro" Garcia
Qualquer um destes serviria, se puderem ser os três, pois tanto melhor.

Cardozo: Para ti fica a missão do costume, encostar lá para dentro, seja com a cabeça, de pé esquerdo, com a peida ou a barriguinha, desde que entre tanto me faz. Não espero brilhantismos, não espero repentismos, nem sequer espero velocidade e entrega, espero golos.

E pronto, para o resto da equipa peço entrega, esforço, ambição e coragem. Comam a relva, matem-se em cada lance, não se encolham, não se atemorizem, entrem lá para dentro e humilhem. Quero ver golos, mas também quero ver cuecas, canetas, tuneis, passes de letra, tretas e olés.
Se fizerem isto, amanhã teremos 6 milhões de portugueses mais felizes.



PS: Claro que vou falar da arbitragem, Jesus, se ainda aí estás prepara a malta para o costume, roubo mais ou menos descarado, consoante a necessidade e um camplo inclinado para a nossa área. Mas isto que não lhes sirva de desculpa, porque eles já vão entrar em campo avisados!




1 comentário:

marisa v disse...

"Sou de um clube lutador
Que na luta com fervor
Nunca encontrou rival
Neste nosso Portugal."

Sou como tu, mais que Benfiquista e anti-porto...

E que a noite seja nossa. Vamos "incendiar" a Luz a ganhar ao FCP